ÚLTIMOS

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Sonhos compartilhados e em camadas - vídeo bem rudimentar e bacana

Vídeo amador, mas que vale a pena ser conferido até o final. Uma pequena brincadeira de amigos, numa simulação tosca de sonhos em camadas e sonhos compartilhados(noon existem!). Sabemos não existir qualquer base científica ou de pesquisa conclusiva com sonhos em camadas, mas os relatos e as simulações em vídeos sempre podem ser divertidas, como nesse exemplo:





Recentemente assisti uma interessante apresentação do LaBerge sobre a consciência nos sonhos e alguém do público questionou sobre os sonhos em camadas. O pesquisador argumentou sobre o que a maioria de nós já sabia: trata-se de mera ilusão, com sucessivos falsos despertar. Podemos sonhar que estamos sonhando em camadas, quando na verdade estamos simplesmente obtendo uma sequência de falso despertar.
Sempre achei bem simples essa idéia de que não existe sonho em camada, afinal nosso cérebro ou mente não tem como ser levado(a) um para dentro do outro, para implicar em diferentes estados mentais.

15 comentários :

  1. Interessante... :) Tenso é eu não ser fluente em inglês... ¬¬

    Valeu por passar lá no meu blog!

    ResponderExcluir
  2. a qualidade ficou otima e tem até efeitos bem legais pra dois mulequinhos. Mais faltou muita coisa tbm achei tsc ;/ uashhuas

    ResponderExcluir
  3. Acabei de assistir um filme super fodásctimente fodão:
    Sucker Punch e pela primeira vez na vida o título nacional não me decepciona: Mundo Surreal.
    O filme é fodástico, mistura realidade, fantasia, guerra antigas com armas modernas e SONHOS EM CAMADAS.
    recomendo assistir no mínimo blue-ray 720p :D
    eu só não coloco ele em primeiro na minha lista de melhores pq o inception é especial pra mim.
    minha lista:
    1º Inception
    2º Matrix
    3º Mr. Nobody
    4º Sucker Punch

    ResponderExcluir
  4. Tulio ouvi falar desse filme, um dia meus amigos estavam na sala assistindo enquanto eu tava no PC (logico aushassuh) é pq eles tavam vendo legendado e eu tava cego no dia xD mais falaram muito bem, falaram que tem muito de existencialismo tbm e eu ouvi a trilha sonora que parece ser uma beleza também, com algumas versões das musicas de placebo e the smiths por exemplo! ;D vou baixar pra ve ! =D

    ResponderExcluir
  5. Márlon! Bom dia! Dá uma lida aqui:

    http://uchihasasukeblog.blogspot.com/2011/08/sonho-lucido-01.html

    ^^

    E uma coisa: A maioria dos reality checks parece não dar certo comigo, já que nunca sonhei com espelhos, e nem vi as minhas mãos no sonhos. Nunca apertei interruptores tbm... =P São coisas com as quais eu não sonho... Alguma dica?

    Obrigado e ótima semana pra você!

    ResponderExcluir
  6. E aí John!
    Já li o relato e impostei por lá. Mto bacana!
    Algum reality check deve servir melhor pra ti. Talvez se tu intensificar o questionamento enquanto olha para as mãos durante o dia(numa frequencia de 5 até 10x por dia), as chances de funcionar melhorem.
    Tem que ir testando.
    Abraço e bons sonhos companheiro!

    ResponderExcluir
  7. Alguém pelo amor de deus me explica suker puncH q eu num entendi nada???? Alguém??? Marlon?? Tulio???? AlguéM??? xD

    ResponderExcluir
  8. E aí Breno!Spoilers do filme! Se ainda não assistiu Sucker Punch, não leia!
    Eu vi o filme quando foi lançado no cinema. É um filme que opta mais pelo caminho artístico-violento e pouca história. Talvez porque eu tenha colocado muita expectativa na época, pois os traillers eram monumentais.
    .
    A protagonista fazia suas viagens mentais na clínica enquanto seu corpo fazia uma dança hipnotizante. Toda aquela ação maluca que tem o David Caradine como guia no estilo Mestre dos Magos de auto-ajuda, só se passou na cabecinha da dançarina...
    .
    E no final, ela se sacrifica para que a amiga se salve. Fazem uma lobotomia que ferrou geral com o cérebro dela. ;(

    ResponderExcluir
  9. wait wait wait não foi isso que entendi do filme.
    Entendi foi o seguinte:
    [Spoiler mode on]
    ok o padrasto mandou ela pro hospício pra pegar a herança e depois de tantos dias ia chegar o

    médico pra fazer a lobotomia. note que no começo do filme ela percebe tudo aquilo, a chave, o

    mapa, a amiga, a música.
    ai depois pula e começa a lobotomia.
    a partir desse momento tudo é da cabecinha dela, mas com partes que condençam a memória real

    dela. lembre que sonhos também fazem parte do processo de memória.

    vamos então para os fatos verdadeiros e depois por que eles são verdadeiros os outros

    fantasiosos:
    Ela fez algumas amigas, decidiu que iria fugir dali. Bolou um plano. Conseguiu salvar uma

    amiga. Ela feriu o médico (ou enfermeiro sei lá, o filho da puta da história)
    Depois que a menina conhece o "tiatro" o filme pula pra lobotomia, ou melhor ela foi pro

    paraíso como disse o vilão. Note que todas ou quase todas as personagens das cenas fantasiosas como também elementos existiam na vida real.

    Conclusão? Durante o processo de lobotomia, o que é das partes mais, diriamos... diabólica, desgraçada da psicologia... emfim durante o processo aquele mundo fantasioso foi gerado e ele misturava fatos reais com fantasia.

    Muita coisa não tem como afirmar com certeza se aconteceram na realidade também, como por exemplo se a loirinha foi realmente morta pelo cozinheiro... embora acredito eu que não...

    ResponderExcluir
  10. Olha eu tecnicamente entendi mais ou menos pra parte do tulio, o que vc explicou marlon, é exatamente o que acontece nas cenas dos filmes mais exatamente o que eu não entendi xD enfim talvez seja só isso que acontece mesmo e eu e o tulio ficamos fantasiando coisas auhsuhas, percebi que tem um conceito existencialista bem forte na trama, a idéia de que você é responsavel pelos seus atos e talz, apesar de, o que me chamou mais atenção sem duvida foi a simbologia que as ilusões da menina faziam á "vida real" que ela estava tendo, o que lembra muito a simbologia onirica, e até ai onde entedi toda a história do "cabaré" se passa na mente da menina protagonista.

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. O filme trabalha em 3 planos sim, mas reparem que no desfecho é colocado que eventos que aconteceram no "bordel"(mente dela) também teriam acontecido na realidade:
    .
    "The scene cuts back to the asylum in which the surgeon (Hamm) has just performed Babydoll's lobotomy. The surgeon is perturbed by Babydoll's expression and starts to question Dr. Gorski as to why she authorized the procedure. It is also revealed that the happenings in her dream world also happened in the hospital (stabbing an orderly, starting a fire, and helping another girl escape). Gorski realizes that Blue has forged her signature, and summons the police, who apprehend Blue as he attempts to assault a catatonic Babydoll."
    .
    " Também é revelado que acontecimentos do mundo dos sonhos(da protagonista) também aconteceram no hospital(facada em funcionário, incêndio e ajuda para outra moça fugir)"
    .
    Fonte:
    http://en.wikipedia.org/wiki/Sucker_Punch_(film)

    ResponderExcluir
  13. isso sim marlon isso eu entendi realmente é essa a ideia que tudo se passa na mente dela como uma analogia, mas eu queria entender qual a relação disso com a "base teorica" do filme ou o existencialismo que dizem ter....

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...