ÚLTIMOS

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Películas sobre o Tecido do Real: Source Code

     Aos interessados pela exploração da consciência nos sonhos, filmes como Waking Life, Inception, Sonhando Acordado, Vanilla Sky... são sessões imperdíveis! São filmes que abordam diretamente os sonhos lúcidos.
     Existem ainda, aqueles filmes que nos fazem mergulhar para além da estrutura do real. Promovem situações surpreendentes, apresentam histórias que nos arrancam de nossas posições e brincam  com perspectivas, por vezes, assombrosas!... 









     Como numa boa ficção científica, com um pé na realidade e outro nas possibilidades que a mente humana pode oferecer, promovido pelos avanços na ciência, o filme Source Code(traduzindo literalmente fica Código da Fonte), com o título em português Contra o Tempo, é um desses filmes.


     Não dá para falar muito do filme sem estragar as melhores surpresas... mas recomendo para todo aquele que se interessa pela exploração da mente ou consciência. Uma daquelas boas experiências cinematográficas que nos fazem sobrepujar junto com o protagonista o tecido da realidade.


     São películas que com alguma frequência, bebem na fonte de grandes pensadores como Platão, Descartes, Baudrillard e trazem um pouquinho daquela mágica filosófica para os nossos pensamentos. 


Dark City - Cidade das Sombras é um dos filmes que  exploram a frágil  estrutura do que pode ser entendido como  o real.






      Há diversos filmes que seguem essa linha e são especialmente indicados para provocar ou instigar devaneios, trocar idéias com amigos, discutir o que seria o real etc.. 


      Meus prediletos:


- Cidade das Sombras
- Matrix
- Inception
- Contra o Tempo
- 13º Andar
- ...
 
      Abordarei alguns desses também. Especialmente porque são filmes que contribuem para fortalecer nosso posicionamento mais lúcido frente a vida. 
       Levar uma vida com uma consciência mais forte é aprimorar nosso espírito questionador, rompendo com convencionalismos fúteis. Uma das implicações disso, para aqueles que se comprometem a um viver mais lúcido, é uma mente mais preparada para a percepção do estado mental dos sonhos.
      
"A única coisa pior que uma prisão para a sua mente é uma prisão para a sua mente que você nem sabe exisstir; portanto uma prisão de onde você nem tenta escapar."* Matrix explora de modo exemplar o Mito da Caverna de Platão.


*Fonte:
IRWIN, William. Bem-Vindo ao Deserto do Real. Madras Editora Ltda - São Paulo: 2003.

22 comentários :

  1. Título Original: Source Code
    Título Nacional: Contra o Tempo

    ...

    *facepalm*


    parece muito loko vou pegar ele aqui ^^

    aki sobre os outros filmes da sua lista vc se refere a esse 13º Andar ou esse? e o cidade das sombras é esse?

    ResponderExcluir
  2. É esse primeiro 13o andar companheiro. É esse Cidade das Sombras sim ou Dark City.
    .
    Quanto ao título, apesar da mudança, talvez fique mais palatável p o grande público. Mas de fato há ali uma grande corrida contra o relógio ;)
    .
    Vale mesmo a pena conferir no cinema, pois a imersão é melhor.
    Depois q tu assistir vamos trocar umas idéias! hehehehe

    ResponderExcluir
  3. Meu São Judas Tadeu! Assisti esse filme e saí desnorteada como aconteceu no filme A Origem do Leonardo DiCaprio - um filme que recomendo a todos.

    ResponderExcluir
  4. Esse filme é o A Origem do ano. Menos blockbuster, tão teórico quanto e faz a gente pensar mais que a média dos filmes bobocas por aí.

    ResponderExcluir
  5. Márlon, mais uma vez não tem nada haver com o assunto em questão, apesar de que eu já baixei vários filmes... Tem uma coisa que eu nao entendi do método WILD foi o negócio da flor de lótus na "GARGANTA"... Como assim "GARGANTA"? Vc pode me explicar o sentido disso? Eu fiquei achando que era pra imaginar uma flor na minha garganta mesmo, entende?
    Me dá essa dica ai mano :D
    Valeu!!!

    ResponderExcluir
  6. Aninha,
    Fique à vontade para trocar idéias sobre esse ou outros filmes - A Origem por exemplo.
    .
    Sem problema Kaio. Os comentários são pra gente trocar idéias, independente do texto em questão.
    .
    A flor de Lótus na garganta é isso mesmo que está descrito. Foi uma invenção para ter algo que contribuisse para manter a consciência acionada. Essa pequena flor pertuba, pelo menos em imaginação, o suficiente para não cairmos em sono profundo.
    ;)

    ResponderExcluir
  7. Fui assistir o filme hoje. Minha nota é 9,0 e não 10 porque o desfecho foi muito rápido!!
    No final fiquei com a dúvida sobre aquele professor de História. Ele perdeu o corpo dele para o capitão Stevens?

    ResponderExcluir
  8. Pelo que entendi sim. O desfecho do filme é abrupto, com as explicações condensadas. Tenho que ver de novo.

    ResponderExcluir
  9. Quando fazem uma história envolvendo o que é a consciência e a vida, a empatia se torna forte. O personagem principal se personifica sendo pouco mais do que sua consciência. Fiquei chocada até. Para aqueles que tiveram familiares ou amigos em coma pode ser uma experiência ainda melhor. A impressão que tenho sobre nossa consciência é que sabemos muito pouco sobre ela. Parece haver muitas teorias e pouco conhecimento consolidado. Enfim, recomendo o filme pela experiência certeira da história.

    ResponderExcluir
  10. Olá July,
    Fui assistir pela 2a vez o filme(agora com minha esposa) e a conclusão que cheguei foi a seguinteSPOILERS - SE AINDA NÃO ASSISTIU O FILME NÃO LEIA ABAIXO:
    .
    No final foi criada uma nova realidade. Como o protagonista explica no final para a Goodwin(Vera Farmiga), o experimento funciona de uma maneira que nem o cientista, criador do projeto, poderia prever.
    .
    Na última incursão dele, foi criado todo um universo paralelo. Na realidade original, quando de fato a Goodwing desliga seus aparelhos vitais, ali o Caps Stevens deixa de existir.
    .
    Porém assume em definitivo, sua nova identidade, naquela realidade paralela recé-formada pelo Source Code. Ele não rouba a vida do professor, nem este se dá mal, simplesmente porque não chegou a existir um professor naquela realidade. Na realidade original sim, mas todos morreram naquele trem.
    .
    Na nova realidade por fim, culmina de existirem dois Capitães Stevens!.... Um que ainda não chegou a executar missão alguma no Source Code e o outro que está na forma do professor de História.

    ResponderExcluir
  11. Olá, gostaria de saber se há pessoas com mais facilidade de ter sonhos lúcidos... Já tive dois sonhos lúcidos sem nem saber o que eram, nas duas vezes ou estava caindo e me fiz parar de cair ou tinha alguem correndo atras de mim e eu mudei de cenario completamente (ou sera que foi outro sonho?...) E gostaria de saber se por causa disso ficaria mais facil fazer isso quando eu quisesse...

    ResponderExcluir
  12. Anonimo,
    Controlar o sonho ou ficar consciente pode acontecer espontaneamente sim. Facilidade também. Mas para tornar mais frequente os sonhos lúcidos o melhor recurso são as orientações reunidas aqui blog.
    .
    Procure: anotar os sonhos, escolher um método, por exemplo MILD, Tholey, WBTB... e fazer reality checks. Ah!! Não deixe de continuar trocadndo experiencias conosco. Todos aqui queremos aprimorar essa habilidade. ]
    Abç e bons sonhos!

    ResponderExcluir
  13. Haha, obrigada :)
    Tipo, quase sempre que tenho pesadelo eu fico lucida mas logo depois acordo. Esse foi o unico que fiquei lucida e nao acordei, pude mudar o que estava acontecendo no sonho, mas nao sabia nada sobre os sonhos lucidos e não fiz nada demais! E mesmo assim acordei me sentindo a deusa dos sonhos rs Mas vou testar esses métodos para ver se consigo ter essa experiência de novo, é muito bom :)

    ResponderExcluir
  14. Eu acabei de assistir o source code :D
    mtoo lokooo me faz lembrar daqueles videos sobre física quântica... o último que eu vi falava que naquele experimento com fóculos de luz (esse nome deve tah errado mas whatever)em que achavam que quando a parada de luz passava pelo buraquinho ela se dividia em dois mas depois num documentário falaram que o UNIVERSO se dividia em dois :O cabuloso física quântica muitas vezes parece religião

    ResponderExcluir
  15. Muito bom heim Túlião!
    Precisamos conversar uma hora dessas sobre o filme, pois eu ainda tenho umas duvidazinhas hehehehe
    Indo dormir... vontade inefável de ficar consciente nos sonhos novamente rsrsrs
    Abç e bons sonhos a todos!

    ResponderExcluir
  16. OMG MÁRLON!!! EU ASSISTI O 13º Andar :D

    Caramba devia ter me falado desse filme antes, eu vou escrever praticamente um artigo agora é bom ler kkk

    Então percebo que a ideia do inception não é de hojee neah kkkk MUITOOO loko esse filme dos meus favoritos agora :D oww esses filme faz você pensar de mais em muita coisa e se levar a sério de mais pode ficar loko MUAHAHAH Falando nisso nunca sai muito de longe da minha cidadezinha, no máximo pra praia u.u bem, cientificamente nos somos um circuito elétrico, só que biológico :O
    Quando a mulher falou "Sim, mas este é a única simulação com uma outra simulação dentro" AUSDHUASHDUSADAS eu ri altoo aqui e muito vadia ela não? apaixono por um personagem e matou o marido para ficar com o cara lá... mulheres, nunca se pode confiar nelas! O filme me fez pensar também em distúrbios tipo pessoas bipolar, ou aqueles com ainda mais personagens trocando de controle de tempos em tempos.. e daqueles relatos de sonhos em que personagens dizem "Eu vivo nos sonhos".
    Considerando que a possibilidade de um joguinho desses realmente existir lá pra 2024 as situações naquele filme meio que se tornam reais :O
    Mas cláro que isso quebra muitas leis físicas, biológicas e a lógica em si. Só seria possível dentro da física quântica, então os cientistas estão errados e certos ao mesmo tempo MUAHAHAHHA KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK caralho eu viro o bozo depois que vejo filmes assim meu irmão tava me fazendo raiva aqui eu virei pra ele e falei "eu to assistindo um filme que diz que o mundo não é real, ok? a possibilidade deu virar loko com a sua ajuda e te matar é uma possibilidade real okay? e depois eu posso falar que dei a loko e nem vou pra prisão okay?"
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    E esse tema e esse paradoxo bem se repetindo tanto! Inda bem que o Vanilla Sky pra da uma equilibrada, ele nos lembra o real: Não existe pessoas dentro de você, tudo ali é você.
    O filme me lembrou também do assinto mais discutido desde que o mundo é mundo: Paixão.
    Embora seja pura ficção, o filme retrata com fidelidade o meu conceito de paixão:
    Paixão pra mim é quanto você conhece uma pessoa e sem conhecer muito sobre ele você gosta muito dela e daí vem o blabla, o problema é que a pessoa apaixonada teve uma certa opinião errada(e por errado eu digo alienada, paralela a realidade) criando assim um personagem que representa esse ideal de pessoa perfeita para ela e então a pessoa procura no físico, na pessoa real o personagem e naturalmente não da certo uma vez que ele não existe, meio patético até, não?
    AUSDHUASHDUASHDUASHUASHUASDUSDH eu to rindo alto aqui é que eu tava refletindo sobre o filme e assuntos relacionados e lembrei do fato de que eu sou espírita kardecista e dei pala KKKKKKKKKKKKKK teoricamente o plano físico seria uma espécie de simulação ASIDUSDHUASDS que tal esse nível de simulação hein? real o suficiente? eu vejo os novos jogos e me faz pensar que um dia agente sair de casa e falar "nossa que gráfico lixo" AUSDHUASHDAUSDHUAS "jogabilidade limitada e chata" sabe não é atoa que faz muito sucesso jogos do tipo second life, a ideia de um mundo similar ao seu só que do jeito que você gosta e sem limitação seduz a todos!

    ResponderExcluir
  17. O filme me fez pensar também sobre hipnose, percebe como no Inception e neste filme principalmente a presença de elevadores é recorrente? Você deve ter percebido como a sua imersão nestes filmes foram enormes e a presença do elevador é relevante para isso. Elevador é uma ferramenta clássica de indução e aprofundamento de hipnose, inclusive tem um vídeo especial sobre este assunto, pra quem não sabe inglês ou não quer ver todos os videos um resumo:
    basicamente usa-se o elevador e um padrão na história que se repete para induzir hipnose, na verdade qualquer filme, TV, até mesma enquanto se dirige até o trabalho induz um certo nível de hipnose. Uma mesma história vai sendo contada repetidamente, alguém entra na máquina fica um tempo e volta, entra de volta, hora ou outra entra num elevador, e aos poucos sem perceber você está em uma sessão de hipnose muito divertida e interessante e fascinante :D


    Ah e mais uma coisa...
    "O homem é o universo dentro de si mesmo." - Bob Marley

    Bem não sei se tenho mais coisa pra falar se eu lembrar de mais alguma coisa eu conto depois :)
    E curioso você ter falado tanto desse Source Code e nunca do 13º Andar, esse é muito mais loko!

    ResponderExcluir
  18. E aí Tulião!
    .
    Uma pena eu não poder debater o filme contigo porque eu mal tenho certeza se eu vi esse filme!...
    Vou explicar. Eu e meu pai somos cinéfilo e videomaníaco respectivamente. E o VHS desse filme existe até hoje na casa dele.
    Acredito que eu tenha visto sim, pois ficção científica está entre os gêneros que mais gostamos. O filme é de 1999 e de lá pra cá são 12 anos rsrsrsrs mas poxa, filme bom é difícil esquecer...
    De qualquer maneira, vou assistir de volta e daí trocamos boas ideias ;)
    .
    Até então não havia mencionado esse filme e a lista que citei porque não tratavam diretamente do tema dos sonhos lúcidos. Mas após assistir Contra o Tempo, pensei melhor e decidi que esses filmes são fundamentais para todos interessados sobre consciência nos sonhos. Pelo jeito acertei não?! ;)

    ResponderExcluir
  19. Vou conferir a indicação! Um outro filme que não foi comentado aqui (eu acho) é o "MR. Nobody" (acho que aqui ficou como Sr. Ninguém). Um filme belga incrível e imperdível para aqueles que curtem um filme inteligente de ficção científica. Por isso insisto, para aqueles que não conhecem, abram suas mentes e vejam essa obra prima!
    E se não entender (não entre em pânico! Acontece mt!) recorra a um especialista em cultura nerd mais próximo de vc, a um professor de física ou ainda a pessoa que te explicou o filme Matrix!
    Brincadeirinha! Assistam vcs vão curtir!

    ResponderExcluir
  20. E aí Awen!
    Não vi esse Mr. Nobody não. Pretendo assistir também. Brigadão pela dica Awen. ;)

    ResponderExcluir
  21. Esse Contra o Tempo me lembrou de um anime chamado Steins;Gate que o protagonista fica voltando ao passado pra salvar uma amiga,vou baixar esse filme agora *-*

    ResponderExcluir
  22. Steins Gate? Tá anotado aki companheiro. ;)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...