ÚLTIMOS

sábado, 7 de julho de 2012

A Importância de Planejar e se Movimentar nos Sonhos Lúcidos

    Elementos comuns nos meus sonhos lúcidos mais intensos e que vejo como presença marcante nos relatos dos onironautas são: a dinâmica do movimento e a realização de algo que tenha planejado no estado desperto.

É muito importante planejarmos fazer algo nos sonhos. Qualquer coisa. Isso  ajuda a evitar  alguma possível desorientação ou aquela euforia que podem nos fazer despertar rapidamente.


    Pode ser experimentar ouvir música, cheirar uma flor, voar, experimentos com memória(tentar recordar de coisas que nem lembrava no estado desperto), nível de consciência(questionar a própria idade, ano que nasceu, etc..), fazer uma pintura ou criar uma melodia... fazer sexo ou experimentar uma outra forma de ser! Quem sabe conhecer seu Eu do outro sexo?!

    Uma vez planejei no estado desperto que observaria meu reflexo no espelho e que relataria o resultado. Era um "Desafio" da comunidade do Orkut. Naquele sonho, pela primeira vez vi meu reflexo como uma mulher! Caramba e que mulherão que eu era! rssrssrsrs

    Procurar manter uma dinâmica de movimento(caminhar, voar ou correr) nos sonhos, ir atrás de algo que planejou... aplicar ferramentas de controle indireto como portas ou esfregar as mãos... penso que tudo isso é importante para não deixarmos escapar a consciência e o fluxo da estrutura do sonho em si.

Evite ficar parada(o) num lugar. Mexa-se. Caminhe ou corra pela paisagem.  Levante vôo! O importante é contribuir para que o fluxo da estrutura do sonho possa se manter ativo.


    De um modo mais simples, é como se nosso movimento nos sonhos, seja caminhando, correndo ou voando pelo fluxo da narrativa que nos é apresentado, tornasse a estrutura do sonho mais estável. Isso vai de encontro as frustrações dos onironautas que erroneamente buscam controlar forçadamente o sonho.

    Caso queira realizar algum desejo nos sonhos, o grande macete sempre será fazer isso de maneira sutil, indireta, como por exemplo o uso das portas. Virar-se 180º também pode funcionar. Mas cuidado para não rodopiar. O rodopio é usado como técnica de prolongamento do sonho lúcido. As portas também servem(e muito), mas tem menos risco de um falso despertar.

    PS: em anexo ao post uma excelente reportagem do jornalista Bruno Torturra, pela revista TRIP, de um curso que fez no Hawai, com ninguém menos que o próprio Stephen LaBerge.

20 comentários :

  1. Eu tenho muito medo de ficar preso em um sonho... o que que eu faco?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso só acontece em filmes. No meu caso eu tive foram alguns falsos despertar.

      Excluir
  2. Como que acorda de um sonho no meio dele? Tipo ja li que pra se manter no sonho é só esfregar as maos, mas pra acordar ainda nao sei como . Alguem ajuda ai :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É só fechar os olhos com bastante força! Quando abrir vai estar acordado... Essa eu descobri sozinho desde criança

      Excluir
  3. Não tem mistério depois que a gente compreende o que acontece. São falsos despertar, normalmente com algum débito de sono. Fiz um post sobre o tema:
    http://www.sonhoslucidos.com/search/label/Limbo

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pelo texto Marlon, fantástico como sempre, a técnica "WILD"(acordando as 5:00) tem me dado resultados fantásticos, sonhos lúcidos seguidos...
    Marlon gostaria de saber a sua opinião a respeito destas drogas para induzir sonhos lúcidos (dreamscape, lucid dreamer,Pro-galantamina), não sei se você conhece, está a venda neste site:
    http://www.dreamamins.com

    Parece que os efeitos colaterais do uso da galantamina são sonhos vívidos e lúcidos, e também uma excelente recordação dos sonhos pela manhã.

    Abraço....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Munhoz

      Já tinha pesquisado a respeito delas e não deve demorar até eu fazer um post sobre o assunto.

      A Galantamina é bem poderosa. Tem um depoimento de um jornalista da revista Trip, o Bruno Torturro que comenta a hora que a substância chegou na mão do LaBerge, devido a queixa dos pacientes quanto aos pesadelos que eram acometidos...

      Pesadelos, para um sonhador lúcido com relativa experiência é sinônimo de oportunidade para ficar consciente.

      Porém, basta uma pequena pesquisada pela internet para saber que efeitos colaterais mais terríveis PODEM acontecer(bradicardia, morte, sonolência etc..).

      Minha recomendação é bananas, vitamina B6, feijão, leite, ovos... são alimentos que contém substâncias para manutenção do q o cérebro precisa; resumindo: uma alimentação bem saudável ;D

      Não adianta querer turbinar o cérebro com substâncias que forçam ele a trabalhar de maneira forçada. O preço virá depois e pode ser que não seja só no bolso.

      Excluir
  5. Muito legal a matéria. Só uma correção: é Bruno Torturra. Ele tinha (ou tem?) um programa toda segunda no Pos-tv chamado "Segunda Dose" que discutia SL´s, viagens astrais, estados alterados de consciência entre outras coisas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Brigadão Rafael. Já corrigi. Cheguei a pesquisar um vídeo que ele relata toda a experiência(do texto que linkei ali no final do post). Mas ainda não achei.
      Abs e bons sonhos!

      Excluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Regina, seja bem-vinda onironauta!

      Acordar de um pesadelo pode ser um bom exemplo daquela nossa primeira percepção de que tudo era um sonho. A diferença, comparando com o sonho lúcido é que em vez de escolhermos despertar, optamos por nos manter no sonho e conscientes que tudo é apenas um sonho.

      Sobre despertar cansado de um sonho lúcido, posso te garantir que não é o fato de ter conseguido ficar consciente num sonho que irá causar prejuízo na qualidade do sono.

      Quando ficamos conscientes num sonho, não há alterações neurofisiológicas suficientes para justificar qualquer prejuízo no sono.

      Não é ter o sonho lúcido que causará prejuízo a qualidade do sono, mas sim outras atitudes como o débito de sono acumulado, ficar despertando durante o transcorrer do sono, etc..

      ;D

      Excluir
  7. Olá Márlon!

    Tem duas noites que eu venho sonhando com vultos fantasmagóricos no meio do meu sonho. Eles aparecem do nada. É muito assustador. Mas eu começo a perceber que eles podem ser um bom sinal para me alertar de que eu estou sonhando. Eu particularmente prefiro não ver pois eu não sei se aquelas sombras são obras da minha imaginação ou alguma entidade real querendo contato. Mas quando os vejo sinto que aquilo não pode ser real e que eu só posso está sonhando. Então eu os ignoro e me afasto. Mas sei que eles estão lá. Não quero ter fantasmas como sinal para sonhar lúcido. Mas quando os vejo sei que estou no meio de um sonho. Isso é meio louco. Kkkk...

    Você sabe como lhe dar com isso?

    Um abraço!
    Ramon

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ramon

      Minha sugestão vai no sentido do que eu faria se isso de repente estivesse acontecendo comigo.

      Já tive diversas alucinações hipnagógicas e hipnopômpicas. Descrevi algumas aqui no blog:
      http://www.sonhoslucidos.com/search/label/Alucina%C3%A7%C3%B5es%20Hipnag%C3%B3gicas%20e%20Hipnop%C3%B4mpicas

      A grande vantagem de estar consciente num sonho ou nessas alucinações é que podemos encarar friamente o que está acontecendo.

      O Stephen LaBerge dá um belo exemplo quando encarou o Ogro raivoso dentro da sala dele. Apesar de toda brutalidade da criatura, foi lá olhou nos olhos e procurou compreender o que se passava.

      Independente das emoções e do impacto visual que sentimos, ficar consciente durante o sonho, nos permite explorar toda a natureza desses nossos construtos mentais.

      Por que teu subconsciente está repetidamente criando esses construtos? Naturalmente pode haver um bom motivo. A psicóloga Gayle Delaney nos instiga a fazer isso e ressalta a magnitude de o fazer e não simplesmente "controlar o sonho".

      Eu concordo totalmente com ela. Se os pesadelos acontecem com frequência, é preciso entender melhor o que está acontecendo. O que estamos deixando passar sem refletir a respeito.

      Siga firme nas tuas anotações Ramon. Na medida em que for recordando cada vez melhor dos detalhes, experimente analisar como tu se sentiu sobre os personagens que apareceram, as ações que tomaram ou que tu realizou, as causas, resultados...

      Caso consiga ficar consciente nos sonhos ou alucinações, melhor ainda. Lembre-se de aproveitar a oportunidade e procurar analisar e compreender o que está acontecendo.

      Fantasminhas, demoinhos e afins vamos deixar para hollywood. Lembre-se que a origem de tudo está em sua própria mente.

      Excluir
  8. Oi Márlon,

    Mas eu não vejo isso na vida real. É só em alguns sonhos. É isso que está acontecendo comigo. Quando a figura assume forma grotesca de sombras negras vaporosas ou com aparência cadavérica no meu sonho. Eu tomo aquele choque de imediato por não está acostumado com tais figuras alegóricas mas percebo na mesma hora que aquilo só pode ser um sonho. Pois não faz sentido na vida real. É um sinal claro que se trata de um sonho. Então por um instante sei que estou sonhando.

    Por exemplo: Meu pai faleceu a quase 5 anos. De vez em quando sonho com ele e fico acreditando que ele realmente está vivo e que aquele sonho é a vida real. Mas, eu tive dois sonhos com ele, 1 logo após a morte dele e o outro anos depois. Que eu tinha a nítida certeza quando o vi conversando, a voz dele e aquele saudoso jeitão que era próprio dele aqui em casa. Nem entendi direito o que ele estava dizendo. Logo percebi que estava sonhando com ele. Outro sonho foi com a minha avó que faleceu em 2002. A única vez que eu sonhei com ela. Eu sabia que ela estava morta e aquilo era um sonho. Eu a abracei por que eu sabia que estava sonhando e queria dizer pra ela que tinha saudades e que a amava muito e ela ficou parecendo uma daquelas estátuas do museu de cera. Eu estava sonhando lúcido.

    Já agora tenho visto nos meus sonhos figuras que não me são familiares e que tem aparência grotesca. E começo a perceber que estão muito surreais para se confundirem com a realidade. E isso também pode ser um bom sinal para alertar-me de que estou sonhando.

    Não é fácil encarar nos olhos dessas figuras mitológicas. Principalmente quando tem aparência assustadora. Mas vou tentar da próxima vez encará-los e perguntar o que eles querem de mim. Talvez, isso vai estimular meu sonho e eu vou ficar mais lúcido para entender o que está acontecendo comigo no sonho. Qualquer novidade nos meus sonhos sobre isso eu venho relatar aqui.

    Valeu pela dica e muito obrigado pela luz. Fica com Deus!

    Um abraço!
    Ramon

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ramon

      Faz muito bem. Quando comentei sobre as alucinações hipnagógicas ou hipnopômpicas, pode ter certeza que elas acontecem durante o sono. São fases intermediárias, assim como também é a paralisia do sono que pode acontecer junto.

      Mas reitero que escrevi e apoio teu ímpeto crítico. Anotar e anotar, trabalhando na análise dos teus construtos mentais e nas raízes das suas origens. O Diário de Sonhos pode ser recheado com reflexões, elaboração de hipóteses e relatos de sensações sobre as experiências. Tudo que possa ajudar a entender porque existe a recorrência desses temas.

      Uma excelente ferramenta de trabalho que pode te ajudar é uma combinação do MILD com o Tholey, especialmente o PASSO 6 do Tholey!... ;D

      Caso tudo isso te incomode demais, uma boa ajuda pode ser um psicólogo na área. Já fiz consultas excelentes com uma psicóloga que usava os sonhos como ferramentas.

      Abs e bons sonhos companheiro!
      Qualquer coisa tem o email também: marlonjatahy@sonhoslucidos.com

      Excluir
    2. Ei Márlon, por que você está me recomendando um psicólogo? Psicólogos custam caro e é pra quem tem problemas de cabeça. Será que estou parecendo maluco pra você? Rsrsrs...

      Eu não passo o dia pensando em sonhos e ou no modo como vou sonhar se é isso que está parecendo pra você. Como eu já disse em outro comentário, eu nunca me programei ou fiquei preocupado com isso. Afinal são apenas sonhos. Tenho sonhos quase todas as vezes que vou dormi desde que eu era menino. Preocupo-me com eles enquanto estou dormindo. Mas quando acordo não penso neles. Apenas ligo pra minha vida real e não pra sonhos. Isso não quer dizer que vou ignorar tudo que é tipo de sonho que eu sonhar. Relatei aqui alguns sonhos que já tive dos quais me despertou a curiosidade para o assunto e eu queria ver seu ponto de vista e se estou indo no caminho certo. Mas honestamente não penso em sonhos ou no modo como vou sonhar. Acho que é por isso que ainda não sou um expert em sonhos lúcidos ou no assunto... igual a você.

      Mas, valeu pelo conselho. Vou experimentar exercitar os métodos MILD com o Tholey, e o PASSO 6 do Tholey juntamente com o WILD que você já me indicou e também os testes de realidade que costumo usar nos meus sonhos solitários! rsrsrs

      Bom sonhos lúcidos pra você e uma ótima semana também.

      Um abração!
      Ramon

      Excluir
    3. Oi Ramon

      Sem stress brother. Como eu disse, a sugestão de algum psicólogo com especialidade na área de sonhos, seria para o caso dos sonhos ruins ou pesadelos continuarem te perturbando e tu não conseguir resolver sozinho.

      Eu sempre recomendo psicólogos. Nâo é incomum precisarmos de uma perspectiva mais imparcial e profissional sobre alguém que estudou de maneira aprofundada a psique humana, sua subjetividade, comportamentos etc.. E sonhos também podem ser uma das suas especialidades. ;D

      Abs e bons sonhos para todos nós!

      Excluir
    4. Márlon, pesadelos podem me assustar por serem eventos raros e inesperados pra mim mas eles não me impressionam mais por que eu o comparo no ato com a realidade e vejo se aquilo faz sentido. Na real é raro eu ter pesadelos desde que eu era menino. E quando eu tenho algum, costumo acordar logo e em seguida volto a dormir e sonho sonhos tranqüilos sem nenhuma ligação com o pesadelo do sonho anterior. Eu penso desse modo: Ah! Seja o que Deus quiser!... E deixo a coisa toda rolar voltando a dormir de novo. E nada acontece.

      Todos os dias durmo de 6 a 8 horas direto sem problemas de insônia. Se não tiver fazendo calor; frio; mosquito me mordendo; ou barulho em volta. Eu durmo bem e acordo melhor ainda. Graças a Deus!! rsrsrs...

      Mas eu entendo seu ponto de vista e até gostaria de fazer consultas com um perito em “Sonhos Lúcidos”. Para desenvolver meu poder criativo e o domínio das técnicas de sonhar lúcido.

      Valeu pelas dicas, conselhos e pelo seu site que é espetacular. Estou aprendendo muito aqui. E vou continuar acompanhando.

      Um abração e fica com Deus!
      Ramon

      Excluir
  9. Será que vou ver um homem se tentar a experiência? rsrsrs

    ResponderExcluir
  10. É só planejar que no teu próximo sonho lúcido tu deseja conhecer como seria uma versão feminina tua ;)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...