ÚLTIMOS

quarta-feira, 3 de julho de 2013

Propósito, Reflexão e Autossugestão para ter Sonhos Lúcidos

    Uma das técnicas com maior sucesso para indução da consciência nos sonhos, em experimentos em laboratórios de sono, foi a utilização em conjunto de: propósito ou intenção, a reflexão e a autossugestão.

    A pesquisa que aponta para o grande sucesso da combinação desses três elementos, envolveu 5 grupos, com 34 homens e 56 mulheres, o estudo, realizado em 1992, foi conduzido por Schlag-Gies, pela Universidade de Saarland na Alemanha.

O propósito de voar sempre pode ser uma opção para uma bela noite de sono... Na imagem, uma das espetaculares cenas de vôo do excelente filme Man of Steel.

    O "escore" alcançado, numa escala de 1 até 27, foi de 18 pontos/requisitos, o que se pode considerar de alto nível, quando comparado as demais técnicas MILD(4-6), WBTB(5/6) etc..   Vale lembrar que cada ponto atingido na escala era equivalente ao cumprimento de algum requisito em especial.

    Fazendo um comparativo, o Método de Tholey  chegou a 15 pontos. Esse último foi recentemente comentado aqui e é inevitável perceber que são bem semelhantes, afinal o Tholey de certo modo, também envolve propósito, autossugestão e reflexão!...

    A pesquisa atingiu score equivalente a eficiência de 15 pontos/requisitos, classificando-a como de eficiência "moderada", sendo que essa pontuação, reunia uma série de 27 pontos/requisitos. Métodos como MILD, WBTB e Reality Checks variaram entre 5 e 8 pontos apenas e foram considerados de baixa eficiência.

Saarland University, Alemanha, onde mais uma vez os alemães sairam na frente, com pesquisas envolvendo  técnicas de indução da consciência nos sonhos.

   Nos posts seguintes, buscarei tratar com esses elementos, para favorecer maior ocorrência de sonhos lúcidos.

 
Fonte:

STUMBRYS, Tadas e outros. Induction of lucid dreams: A systematic review of evidence. 2012. Conciouness and Cognition 21.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...